terça-feira, 29 de março de 2016

Deus nos Justifica



Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica. (Romanos 8:33)

Certamente esse é um dos versículos mais conhecidos e falados nos nossos dias por boa parte dos cristãos de nossas comunidades. Mas o interessante é que usamos e falamos desse texto para fazer o que somente ele diz Deus nos justificar!  

Vemos muitos falando isso sem saber a importância do que esse texto é realmente, o apostolo Paulo disse isso sobre as diversas acusações que os escolhidos de Deus sofrem diariamente  e essas acusações não vem de influencias humanas mas malignas vinda do inferno sobre nós e o que vemos? A cada dia os homens querendo justificar a si mesmo com seus argumentos e intenções querendo demonstrar que é algo, mas a diferença do verdadeiro cristão é que ele não se justifica, mas sim Deus o justifica!

Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. (Romanos 8:1)

 Esse é o motivo de Deus justificar seus escolhidos, embora sofra acusação não se tem condenação sobre elas, pois estamos em Cristo Jesus, mas não andando pela carne, mas sim pelo Espirito, quando Paulo diz isso, ele refere-se ao estilo de vida, ou você é carnal ou espiritual, ou você anda segundo a carne ou segundo o Espirito! Por isso os que são guiados pelo Espirito e sua vida é em Cristo, Deus o justifica, ou seja, o torna inocente.

E com isso a tendência é que venham certamente acusações, pois viver com Cristo é sofre perseguições e também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições. (2 Timóteo 3:12) Mas a diferença é que Deus estará conosco em todas essas situações. Deus nos justifica porque não podemos nos justificar, quando você pecar peça perdão e reconheça que errou e se arrependa não tente mudar a situação com suas próprias mãos.  Veja o exemplo de Pedro e Judas ambos pecaram, mas um buscou o arrependimento e o perdão e enquanto o outro tentou devolver as moedas que o levaram a trair Jesus.

Não podemos de nós mesmos fazer algo por nós por isso ainda que venham acusações ou transgressões, o Senhor é fiel para nos perdoar e nos inocentar.

Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo. (1 João 2:1)   Cristo é o nosso advogado, pois somente ele pode fazer algo por nós, pois o pecado nos torna prisioneiros e somente Cristo pode fazer algo e nos liberta (João 8:31-36).

Pois esta é a diferença do servo de Deus, não tente justifica-se a si mesmo mas somente Deus através de Cristo justifica seus escolhidos.


Medite nisso. Que Deus em Cristo te abençoe.

/Alef da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário